Pensamentos Kafkianos em cor-de-rosa

Pensamentos Kafkianos em cor-de-rosa

terça-feira, 20 de maio de 2014

Para o que havia de me dar




A-do-ro!
Não sei explicar.
Não sei o que me deu.
Não tem nada a ver comigo.
No meu estado normal acharia piroso.
Mas não.
Não devo estar no meu estado normal.
Quero ver ao vivo.
Quero mexer.
Quero experimentar.
Para ver se continuo a adorar.
Com a minha sorte, 
quando chegar a Portugal já não há.
Até lá,
vou continuar a adorar.

2 comentários:

  1. é muito fofo , muito bonito e muito original

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E ao que parece já está em casa à minha espera! ;)

      Eliminar

pensamentos cor-se-rosa