Pensamentos Kafkianos em cor-de-rosa

Pensamentos Kafkianos em cor-de-rosa

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

...

Dói-me o corpo todo. A garganta especialmente. E tenho febre. Ou melhor, sinto que tenho febre pois o termómetro não está a colaborar. Das duas uma, ou foi da tareia que levei no flamenco (mas já decidi não apresentar queixa pois ela é uma pessoa muito conhecida em Sevilha, pelo que receio represálias) ou do frio que apanhei numa das idas à casa de banho durante a noite, em que saio do quentinho da cama (com temperatura a dar-lhe para os trópicos) para o frio da noite (temperatura semelhante à dos países nórdicos). Estou mais inclinada para a segunda opção.

1 comentário:

  1. ai ai a menina está doente! as melhoras, beijocas.

    ResponderEliminar

pensamentos cor-se-rosa